segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Humberto Coutinho quer culpar secretário parente pelas presepadas com recursos públicos em Caxias…

hc+e+vinciusOra bolas!!! Desde quando um secretário municipal controla recursos, faz pagamentos, ordena despesas ou quiçá age por conta própria? Nenhum!!! Mas em Caxias tudo pode acontecer, haja vista que a gestão é composta por parentes, aderentes e amiguinhos bem próximos!!! Contudo, a atitude do TJ em acatar a denúncia do PM contra Humberto Coutinho é coerente e se faz necessária. O blog do Sabá diz: “Muy amigo…!!! Denunciado pelo Ministério Público no TJ, Humberto Coutinho responsabiliza secretário Domingos Araújo pela enrascada”, cujo teor da matéria fala que o atual presidente da Assembleia Legislativa, Humberto Coutinho, quer encontrar um bode expiatório…
O interessante na matéria do Sabá é um trecho de um conversa: “Vamos lá. Não me lembro bem quem foi o ‘artista’ que soprou no ouvido do então prefeito Humberto Coutinho que ele não deveria mais assinar cheques ou ordens de pagamento para despesas oriundas de convênios, mas ouvi isso do próprio em certa ocasião na Prefeitura de Caxias. “Qui, qui, qui, doutor, fui aconselhado a não assinar mais cheque e ordem de pagamento em convênio…”, disse o ex-prefeito numa roda de bate-papo na Prefeitura achando que aquilo era uma forma de se eximir de problemas futuros.

por caio hosttílio

Flávio Dino inaugurará obra com nome de pessoa viva em Tuntum


braunieneO governador Flávio Dino (PCdoB) terá, hoje (1º), a oportunidade de fazer um aliado cumprir seu decreto que proíbe, no Maranhão, a atribuição de nomes de pessoas vivas a obras e prédios públicos.
Em Tuntum, o comunista inaugurará junto com o prefeito Tema Cunha (PSB), a creche Profª Brauniene Medeiros, que ainda está viva.
complexoEmais: após a inauguração, ele discursará em palco montado em frente ao Complexo Educacional Dr. Tema.
Isso mesmo! O colégio tem o nome do prefeito.
E fica ao lado de uma quadra esportiva batizada com o nome do atual secretário municipal de Educação, Prof. Antônio dos Reis.
Uma incoerência do governador, no mínimo.
É bem verdade que o decreto que regulamenta o assunto diz respeito apenas a bens públicos pertencentes ou sob a gestão do Estado – o que não é o caso. Mas não custa nada Flávio Dino sugerir a mudança ao aliado.
Ou é esperar coerência demais do comunista?

Geraldo Alckmin desmente Flávio Dino, após reunião de governadores com Dilma



Geraldo Alckmin desmente Flávio Dino, após reunião de governadores com Dilma

Segundo tucano, governador do Maranhão divulgou para a imprensa um tema que não foi discutido no encontro com a presidente.

O governador Flávio Dino, do PCdoB, foi envergonhado diante de toda a imprensa nacional, nessa quinta-feira (30), após a reunião dos governadores com a presidente Dilma Rousseff, no Palácio da Alvorada, em Brasília.
De acordo edição imprensa desta sexta-feira (31) do jornal Correio Braziliense, Dino declarou que durante a reunião houve uma defesa do mandato da petista com intuito de garantir a estabilidade política e econômica do país.
“Houve uma defesa clara e inequívoca da estabilidade institucional, da ordem democrática do Estado de direito e contra qualquer tipo de interrupção das regras constitucionais vigentes, portanto, a manutenção do mandato legítimo da presidenta Dilma Rousseff, que foi eleita para cumprir até o fim”.
No entanto, ainda segundo o Correio Braziliense, quando o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), foi questionado sobre o assunto, o tucano revelou que esse assunto sequer foi nem colocado em pauta pela presidente, e que a defesa é de investigar até o fim as acusações contra o Governo. “Isso não foi dito pela presidente Dilma nem está em discussão. Em relação a isso, nós defendemos o quê? Investigação, investigação e investigação. Cumprir a Constituição. Isso não esteve na pauta”, resumiu.
Além de desmentir o governador do Maranhão, Alckmin ainda lembrou que, se houver algum indicativo de crime de responsabilidade no julgamento que será pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre possíveis doações irregulares à campanha de Dilma em 2010; ou de crime de responsabilidade fiscal, na análise empreendida pelo Tribunal de Contas da União (TCU) sobre as pedaladas fiscais praticadas em 2014, o impeachment é uma saída

Polícia Civil inicia greve no Maranhão

O Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Maranhão (Sinpol) inicia hoje (3), a partir das 8h, greve geral por tempo indeterminado.
A mobilização começará com concentração no Plantão Central do Parque do do Bom Menino, no Centro. Além da capital, todas as regionais do estado devem aderir ao movimento.
Investigadores, comissários e escrivães tiveram reajuste salarial de apenas 5% e nenhuma proposta salarial para os demais anos, como ocorreu com os policiais militares – que tiveram previsão de aumento até 2018 –; e com os delegados, que tiveram um reajuste de cerca de 70% até junho de 2016.
Durante o movimento paredista só estarão funcionando 30% do efetivo nas delegacias e regionais conforme determina a Lei.

quinta-feira, 30 de julho de 2015

As enroladas políticas dos últimos dias no Maranhão

E quem aí conhece a história do PSB?
E quem aí conhece a história do PSB?
Primeiramente não se deve deixar de falar dos ataques histéricos feitos ao ex-governador José Reinaldo pela mídia flavista somente pelo fato de ter proposto um pacto pelo Maranhão.
Essa patacoada sequer merece resposta, haja vista que até tão pouco tempo atrás esses mesmos que hoje atacam o ex-governador o endeusavam… É muita hipocrisia e falta de compreensão em mensurar o que realmente pode transformar esse Estado.
De repente surgiu outro imbróglio, dessa vez José Reinaldo disse que Roberto Rocha não conhece a história do PSB… E ele mentiu? Não mentiu!!! Assim como se pode afirmar, com raras exceções, que atualmente ninguém que está aí no PSB conhece a história da legenda.
4358673Aí leio no blog do jornalista Marco D’Eça que o governador Flávio Dino está apenas a reboque por não ter nada a oferecer a Dilma, que solicitou aos governadores que solicitem as suas bancadas a garantia da governabilidade. Devo concordar em parte, haja vista que os deputados e senadores, em sua maioria esmagadora, seguem a orientação de seus lideres, coisa que dificulta muito qualquer tipo de intervenção de Flávio Dino.
Por outro lado, os deputados federais, com as emendas impositivas, deixaram por completo de seguir qualquer tipo de orientação dos Executivos estaduais.
Diante dos fatos, fica mais que evidente que os únicos deputados que seguiram a orientação do Planalto é os aliados do governo Dilma, logo vale afirmar que somente os deputados Weverton Rocha (PDT) e Rubens Junior (PCdoB) – aliados a Dino -, seguirão as orientações de garantir o que o Planalto exige… Pena que ambos são de partidos minúsculos no Congresso Nacional… (Não fede nem cheira)
Quem seguirá as orientações do Planalto, ainda, é o deputado Zé Carlos da Caixa (PT), pois ainda não tem identidade própria para ir de encontro ao Planalto.
Nem Eliziane Gama (PPS) e sequer José Reinaldo (PSB), além de João Castelo (PSDB) seguirão qualquer orientação nesse sentido, visto que eles são de legendas rebocadas pelo PSDB, cuja orientação é a de seguir firme na oposição ao governo Dilma.
Aí entra os deputados aliados ao presidente Eduardo Cunha, que faz oposição firme ao governo Dilma. Nessa leva está o deputado Waldir Maranhão, que é o vice de Eduardo Cunha e tem suas vantagens. Os deputados Hildo Rocha, Cleber Verde, Fufuquinha e até o próprio Aluísio Mendes, mesmo sendo vice-líder do governo.
Já o deputado João Marcelo (PMDB) seguirá as orientações do pai e deve seguir com o Planalto e usar toda a mágica para não perder o apoio de Flávio Dino em Bacabal, onde estará disputando a prefeitura o deputado Roberto Costa.
O deputado Sarney Filho (PV) é de um partido que faz parte da oposição na Câmara dos Deputados ao governo Dilma, porém tem independência por seus anos no Congresso. É esperto o bastante para não cair na história mirabolante de Flávio Dino. Vitor Mendes é outro do PV e não teve seguir as orientações de Flávio Dino e sequer do Planalto, pois estão se juntando contra o seu pai pela disputa da Prefeitura de Pinheiro.
Os deputados Júnior Marreca (PEN) e Juscelino Filho (PRP) devem esperar o posicionamento dos donos de seus partidos.
No Senado, a coisa tem uma perspectiva favorável ao Planalto, haja vista que tanto Edson Lobão (PMDB) quanto João Alberto (PMDB) são da base aliada ao Planalto e seguem as orientações do ex-presidente Temer. Quanto a Roberto Rocha (PSB) faz parte da oposição ao governo Dilma e seguirá as orientações dos líderes do PSDB, DEM e do próprio PSB.
Portanto, que o Planalto procure outra forma de cooptar os deputados… Nesse caso a força de Flávio Dino é igual caldo de Chuchu, ou seja, só tem água e bagaço.

Por Caio Hostilio

Inauguração de Obras Alheias e nomes de pessoas vivas em prédios públicos, Flávio Dino vem aí...


O Governador Flávio Dino, desembarca em Tuntum/MA, nesse sábado, e a partir das 15:00 horas, participa de inaugurações de obras alheias, ou seja obras essas, executadas pelo governo Federal em parceria com o municipio, obras essas conseguidas na gestão do Ex Prefeito Chico Cunha, pois na Gestão do atual Prefeito, a unica obra que o mesmo já conseguio executar, foi apenas pintar os meio fios e postes de energia. Apesar do prefeito de nosso municipio ser aliado do Governador, os dois pensam exatamente o contrário um do outro. Vejam o que o governador Fez:  o governador Flávio Dino (PCdoB) assinou decreto que determina a ocultação ou remoção de nomes de pessoas vivas em prédios pertencentes ou sob a administração do Poder Executivo do Estado do Maranhão. O decreto reza também que os nomes de pessoas vivas serão trocados pelos de pessoas mortas de acordo com sugestões dos gestores desses órgãos encaminhadas ao governador do Estado. E a escolha terá como base alguns critérios: que, além de já ter falecido, o homenageado tenha sido probo e tenha contribuído para o desenvolvimento do estado.
Enquanto o Governador preza pela moralidade na administração pública, o seu aliado prefeito de Tuntum, faz exatamente o contrário, ou seja quase todos os prédios públicos, levam o nome de pessoas vivas.  Vejam aí o percurso do Governador em Tuntum, vai descer de helicóptero no estádio TEMÃO, (vivo), Segue para inauguração da Creche na Vila Luisão que tem o nome de Brauniene de Medeiros(viva), segue para o Complexo Educacional Dr. Tema(vivo), ao Lado do Centro de Cultura Pires Léda(vivo), vai fazer o seu pronunciamento na quadra Professor Antonio dos Reis(vivo), é impressionante como o nosso atual gestor gosta de usar os recursos públicos para sua promoção pessoal e do seu grupo político, o famoso grupo LABIGÓ.  
 
Do Blog Acorda Tuntum

MALDADE SEM FIM

Por Ricardo Murad (Facebook)
11214041_1658585464360699_2519437135948887268_nENQUANTO MANDA PARA A PREFEITURA DE CAXIAS 17 MILHÕES DE REAIS DA SAÚDE EM SEIS MESES, FLÁVIO DINO, MESMO ACIONADO NA JUSTIÇA PELO MP, NEGA AO PEQUENO MUNICÍPIO DE BERNARDO DO MEARIM 100 MIL REAIS PARA O FUNCIONAMENTO DO HOSPITAL DE 20 LEITOS QUE GARANTIA ASSISTÊNCIA À SAÚDE DE QUALIDADE PARA OS SEUS HABITANTES.
RECURSOS DO ORÇAMENTO DA SES DEVERIAM ESTAR COMPROMETIDOS COM O PLENO FUNCIONAMENTO DA REDE DE HOSPITAIS E UPAS DO PROGRAMA SAÚDE É VIDA, INCLUINDO A ABERTURA DOS HOSPITAIS MACRORREGIONAIS DE SANTA INÊS, IMPERATRIZ, CAXIAS, PINHEIRO, CHAPADINHA E BALSAS, QUE DEIXAMOS PRATICAMENTE PRONTOS. RETIRAR RECURSOS DESSA FINALIDADE CAUSA O QUE ESTAMOS PRESENCIANDO: QUEDA NA QUALIDADE DO ATENDIMENTO, SUCATEAMENTO DAS UNIDADES ESTADUAIS E O FECHAMENTO DOS HOSPITAIS MUNICIPAIS TÃO IMPORTANTES PARA A NOSSA GENTE QUE MORA NO INTERIOR DO MARANHÃO.
O GOVERNADOR TEM A SUA DISPOSIÇÃO RECURSOS DO TESOURO ESTADUAL PARA APOIAR OS MUNICÍPIOS, INCLUSIVE NA ASSISTÊNCIA À SAÚDE, SEM COMPROMETER O ORÇAMENTO DA SES.
TRISTE GOVERNO E PÉSSIMO GOVERNADOR.

Cadê o MPMA? Burocracia burra, mas que facilita para os aliados, enquanto isso hospitais sem repasses fecham as portas!!!

IMG-20150729-WA0007Está na hora do MPMA por fim a essa patacoada e presepadas com recursos da saúde nesse estado!!! Basta que os seus procuradores buscassem as presepadas na forma que é distribuído o recursos da Saúde, haja vista que existem aberrações que merecem uma auditoria em caráter de urgência, cujas rotinas e fluxos não condizem com a realidade. Com certeza a farra que era praticada pela Bipartite voltou a distribuir dinheiro entre os aliados e que o resto se contente com as migalhas oferecidas, após ter sido aberta a Caixa Preta. Com Certeza essa distribuição dos recursos não vem passando pelo crivo da Bipartite e sequer sendo praticada dentro dos princípios exigidos de acordo com os atendimentos e procedimentos. Veja que Tuntum, segundo o Diário Oficial, é um dos agraciados de primeira hora do governo Flávio Dino, porém não vem cumprindo com os atendimentos e procedimentos, conforme mostrei aqui através da matéria “Mais que falta de respeito com o dinheiro do contribuinte, prefeito de Tuntum, senhor Tema?”, onde foi mostrado um Centro de Imagem que só serve de cabide de emprego, quando era para servir à coletividade.
Centro de Imagem, mais conhecido como armário de empregos fantasmas!!!
Centro de Imagem, mais conhecido como armário de empregos fantasmas!!!
Cadê os órgãos fiscalizadores desse estado?
Estão todos coniventes com essa presepada praticada pela SES?

Por Caio Hostilio